CinemaniaSugestão Cinéfila

O Quarteto (2012)

Num lar para músicos aposentados, um grupo de antigos artistas decide organizar um concerto de homenagem a Verdi, um dos grandes compositores musicais da história. Os preparativos deste concerto são subitamente interrompidos pela chegada ao lar de Jean Horton, uma diva da música bastante difícil de aturar.

Aproveitando a borla de um fim de semana confinado pela TV Cine vi este sábado, 21 de novembro, o delicioso filme “O Quarteto”, com direção de Dustin Hoffman. Adorei pela aparente simplicidade, porque nos faz pensar em algo que teimamos em achar que ainda está muito longínquo: a velhice.  A realidade é que todos caminhamos para lá…e chegar a esse ponto das nossas vidas é já de si uma vitória, ao contrário das más línguas.

Esta película parte do universo de um lar de idosos para músicos  reformados, que estão com um grande desafio: angariar o máximo de bilhetes para um concerto que permite assegurar a sobrevivência da sua residência…

Pelo meio enfrentam problemas, como o “trauma” de lidarem com o envelhecimento da voz, más escolhas no passado, amores perdidos, demência.

No entanto, há algo muito mais importante que se sobrepõe a esses desafios: o amor e a amizade que alimentam todos os dias esta verdadeira família de laços afetivos.

Não importa o tempo que nos resta. Importa sim, o que fazemos com ele!

Pensemos nisso…

Texto/Irene Mónica Leite

Comment here