Nacionais

Misericórdia do Porto com “Projeto Pioneiro Social Digital”

Esta segunda-feira, 9 de dezembro pelas 15h30, serão lançados em simultâneo o apoio a duas causas sociais num projeto pioneiro social e digital.

Uma será a Casa de Autonomia para apoio às vítimas de violência doméstica, facilitando a sua integração social. Esta causa será apadrinhada por Joana Teles (apresentadora na RTP). A segunda causa será a construção de uma Residência Autónoma para apoio a pessoas com deficiência, por forma a permitir a sua emancipação, sendo que esta causa será apadrinhada pelo Paulo Azevedo ator e formador de coaching.

Num mundo onde é importante criar soluções sustentáveis para os principais problemas da humanidade, as redes sociais não podem ficar de fora, ou remeter-se unicamente para a sua faceta comunicacional.

Segubdo nota enviada `s redações, “o Facebook em 2018 apresentou lucros de 22,1 mil milhões de dólares e algumas figuras públicas auferem somas avultadas com as suas publicações, mas o resultado para o bem-estar da sociedade é manifestamente reduzido”.

Felizmente o mundo dos negócios e dos empreendedores sociais lentamente está a desenhar um novo cenário onde as empresas podem ser “híbridas” e combinar responsabilidade social com proveito económico.

“Os projetos sociais não podem depender unicamente do setor público ou da caridade. Precisam de criar modelos inovadores que envolvam ativamente as populações e as empresas à escala global”, revela a mesma nota.

As empresas híbridas facilitam relações de mercado com organizações não- governamentais (ONG`s) e setor público, criando uma mudança sistémica na interação sinérgica entre as partes, fundamental para combater os irresolúveis problemas sociais do nosso tempo.

A DoGoodToo combinou tecnologia, empresas, figuras públicas e seus seguidores, numa plataforma única, onde 50% das verbas angariadas são disponibilizadas para apoio a projetos sociais.

A Santa Casa da Misericórdia do Porto foi identificada pela DoGoodToo como a escolha ideal para receber estes apoios, tendo em conta o cariz da sua missão e a segurança das suas respostas. A Misericórdia do Porto é uma instituição de assistência social, de fins filantrópicos e de utilidade pública, cuja ação assenta na intervenção social há já 520 anos, “sendo uma referência mundial como O.N.G.”.

A DoGoodToo lança mundialmente a sua plataforma online que permite a criação de redes sociais exclusivas entre figuras públicas e os seus seguidores.

As figuras públicas fazem publicações (“posts”) em forma de vídeos curtos (1 a 2 min), exclusivos para a DoGoodToo, e os seguidores (“fãs”) subscrevem o acesso ao serviço e recebem as comunicações. Estão também previstos apoios por parte de empresas interessadas em apoiar causas sociais.

Refira-se que o sistema criado permite que a Misericórdia do Porto tenha total visibilidade das receitas angariadas e conhecimento das verbas a aplicar nas causas sociais apadrinhadas.

Os utilizadores podem registar-se gratuitamente e experimentar a plataforma que fica disponível no endereço www.dogoodtoo.com.

O lançamento será acompanhado de um evento público que vai decorrer esta segunda-feira,  dia 9 de dezembro, às 15h30, no Auditório D. Pedro IV, no Centro Corporativo da Misericórdia do Porto, situado na Rua Joaquim de Vasconcelos n.º 79, 4050-311 Porto.

A sessão contará com as intervenções do Provedor da Misericórdia do Porto, António Tavares, assim como de Joana Teles, Paulo Azevedo, sendo que a apresentação do Projeto ficará a cargo de António Lima, fundador da DoGoodToo, e de Pedro Gaspar.

Comment here