Sugestão CinéfilaCinemania

Sex Tape (2014)

Quando um casal decide brincar com uma fantasia de vídeo porno e a coisa acaba mal….a cloud…não se sabe como controlar a cloud!


Após anos de casamento e dois filhos, o tempo a dois vai caindo….

Então para apimentar a relação, gravam um vídeo erótico que acaba por parar na “nuvem”. Como Jay (Segel) tem por hábito presentear os mais próximos com iPads com um programa que sincroniza determinado conteúdo com todas as máquinas, está armado o cenário para a desgraça!!

Tudo acaba por ser canalizado para um momento edificante, redirecionado para um contexto moral, para mostrar que, afinal, a película não é sobre sexo,  trabalhando sobretudo a questão das falsas aparências, de como nos bloqueamos e como temos de seguir em frente, encarando de uma forma positiva as mudanças na nossa vida.

Para um filme que aborda sem tabus a sexualidade num casal com filhos (um ponto bem positivo), perde-se pela falta de originalidade e clichés…

O argumento é muito básico, as personagens não têm grande história , ou vocabulário …ainda assim para passar o tempo de vez em quando com algumas risadas, passa…

Passou ontem no Cinemundo.

 

Texto/Irene Mónica Leite

Comment here